segunda-feira, dezembro 31, 2007

DESAPONTAMENTOS NO FINAL DO ANO

Quem me pediu os tampa-jarras não foi à confraternização. E fiquei a semana toda crochetando, para entregar a encomenda.
@@@@@@@@
Até agora, nada do recibo da entrada da venda do apartamento, que o comprador teria que mandar por e-mail. Também, final de ano, final de cpmf, ninguém vai fazer qualquer transação que envolva $$$$.
@@@@@@@@
Redução da pensão do Gustavo, sem aviso prévio e na pior fase de grana???? Ninguém merece. Aí, sim, fecharei o ano de 2007 com chave de ouro falsificada.

Panorâmica, com duas fotos, da vista linda que se tem da Praia de Icaraí.

sexta-feira, dezembro 28, 2007
















Comecei a fazer os tampa-jarras em linha na cor branca sob encomenda, para serem oferecidos a uma pousada. Caso sejam aceitos, vou ter trabalho, muito trabalho.



sábado, dezembro 22, 2007

O único torneio de nossa escolinha, em 2007, realizou-se hoje. O tempo ajudou, não aparecendo o Sol, nem a chuva. Poucos participantes, formando cinco times de seis jogadores, sendo que um com sete.



Meu time ficou em segundo lugar e eu ganhei a 6ª Medalha.


quarta-feira, dezembro 19, 2007

''começamos a dar bons conselhos ...
quando a idade impede de dar maus exemplos.''

@@@@@@@@@

Achei uma foto de minha mãe, quando eu tinha 15 dias.
Realmente, ela foi uma mulher muito bonita. Já eu, naquela idade, nem tanto.

Mãezinha, quantas saudades, principalmente agora que o Natal está chegando e você não poderá estar presente em nosso tradicional almoço do dia 24. Passávamos tão pouco tempo juntas mas não nos deixávamos de nos comunicar.

Sei que você assiste a tudo de onde está e pode me ver triste e saudosa. Estou me sentindo muito sozinha, apesar de externamente apresentar uma força não tão real.

@@@@@@@@@

Continuo a fazer os tampa-jarras em crochê. Já fiz uns 20. Quem ganhou está gostando muito. Vou programar, com bastante antecedência, os presentes para o Natal de 2008.

terça-feira, dezembro 11, 2007

"Se não podemos evitar o nascer e o morrer, vamos saborear o intervalo."

domingo, dezembro 09, 2007

ALTAMIRO CARRILHO

Ontem foi um dia especial para mim e para uma platéia repleta de admiradores. Assistimos a uma emocionante homenagem ao grande flautista brasileiro e mundial, Altamiro Carrilho (83 anos de idade e 65 de vida artística, com 125 discos gravados), graças (no meu caso) à Lou Micaldas, do VelhosAmigos, que apresentou o show.

O homenageado, ainda se recuperando de uma doença que o levou à cirurgia.

No palco, vários amigos do flautista, começando pelos músicos que o acompanham sempre:
Cidinho (violão de 7 cordas), Maurício Verde (cavaquinho de 4 cordas), Héber de Freitas (percussionista), e outros admiradores, entre eles, Maurício Einhorn (gaitista), Victor Biglione (violonista), Deo Rian (cavaquinho), o filho Bruno Rian (cavaquinho) e sua noiva flautista, Patrícia Silveira, o Juiz de Direito Valmar (cavaquinho), Antonio Rocha (flautista), Renata Arruda (cantora), Claudinha Teles (cantora que, por sinal, tem a voz da mãe, outra famosa cantora, a Silvinha Teles), Lucas Brasil (menino de 12 anos, aluno do flautista e uma esperança de se tornar um dos melhores flautistas do Brasil):

A maioria dos amigos do homenageado

Fui toda equipada para filmar a exibição, levando até meu tripé. Mas, como marinheira de primeira viagem, não imaginava que o show fosse levar tanto tempo e a bateria de minha filmadora não durou o necessário para gravar todo o show. Assim, apelei pro modo filmagem de minha câmera fotográfica. Só que este tipo de filmagem consome muito as pilhas e espaço do memory stick. Receosa de que o espaço acabasse e eu perdesse alguma coisa, mudei a configuração de tamanho da imagem e me ferrei. Os vídeos saíram bons, porém num tamanho mínimo que não dá pra ver quase nada, apesar do som estar fantástico.


video


video

video
Reportagem feita pela ANA PAULA ARAÚJO, da TV Globo.

Decidi postar este vídeo para incentivar àqueles que pensam em desistir da vida.

sábado, dezembro 08, 2007

“Infância é época da vida em que fazemos caretas para o espelho. Meia-idade é a época da vida em que o espelho se vinga.”
Meu sumiço é devido à chegada do Natal. Resolvi fazer, eu mesma, os meus presentinhos de Natal. Já até vendi 5 peças. Mas, meus amigos receberão um tampa-jarra em crochê, com a linha Anne Brilho, própria pro natal, pois é matizada em 3 cores: vermelho, verde e branco (tinha que ser tricolor, né?). Para fechar o pacote de presente, decidi fazer também uma cara de Papai Noel, meio complicadinha, mas não achei nenhuma outra receita mais fácil.